Massoquista no amor

Ja comentei aqui da minha obcessao por relacionamentos fracassados. Nao so’ queria controlar o que ficaria ou nao ao meu lado, como eu sempre gostei da certeza de que todos meus exes seriam meus se um dia eu precisasse. A verdade e’ que todos perderam a graca depois que voltaram a me procurar, ou nunca tiveram graca antes das coisas complicarem de vez.

Seria viciada na dor?
Ao inves de tentar esquecer qualquer amor fracassado, eu ia atras, queria saber da vida e dar aquela atualizada no ciumes. De certa forma e’ um estimulo. Vc quer ficar mais bonita, quer vencer na vida, vc quer ser cada vez melhor. Eu gostei muito de uma pessoa por anos, eu malhava, eu pintava o cabelo e sempre vinha o pensamento…… ” O dia que ele me ver, vai cair de 4 ” Enfim, tudo que eu fiz aconteceu, so’ que quando acontecia finalmente, eu nao sentia nada, nem a satisfacao de ter conseguido.  Realmente aquelas pessoas nao significavam tanto como eu gostaria.
Bulimicos sao intensos, eu falo que amo e que odeio…….e quero sentir o amor inteiro, meio amor nao tem graca. Assim como a raiva, se for pra sentir raiva e’ pra quebrar o copo. Sabe aquelas cenas de novela onde a pessoa sai quebrando tudo, televisao, quadro, mesa? Sempre tive vontade….mas nunca coragem.
O ultimo cara que eu gostei, foi logo apos uma obcessao amorosa. Eu passei meses gostando, mas sem me apaixonar. Enfim, o relacionamento saiu do meu controle, (pra variar) e eu tento me explicar e entender ate hoje o que desencadiou as loucuras que eu fiz depois por obcessao. Como isso e’ ruim.
Eu nao fico feliz de nao gostar do cara hoje, eu fico inconformada comigo mesma, eu quero gostar dele de qualquer jeito. Porque ele me faz feliz? Nao, nem lembro como ele beija. Porque eu nao me conformo ter sofrido tanto, por um homem que eu nao sinto nada 1 ano e meio depois. As fotos que me davam ciumes nao estao dando mais.
Pior que voltamos a nos falar, acho que ele tem medo de mim. Toda mulher sabe como conquistar um homem, no caso dele eu so’ quero que ele volte a se importar e ser meu amigo…O que demorou mais foi um ex, 8anos longe. Eu achava que era o amor da vida, talvez era mesmo. Mas voltou, me pediu em casamento…….me fala se eu morri de amores?
Enfim, o ultimo de quem eu gostei, ja nao gosto mais, eu gosto de falar com ele.
De encher o saco, e’ disso eu gosto. Hoje vi uma foto dele com a namorada, felizes. Pra mim aquilo antes era a visao do inferno e nem raiva eu senti, nem ciumes, nem merda nenhuma. Ate achei ele bonitinho todo sorrindente.
Vc gasta todas as suas energias em pessoas que depois nao significam nada?
Vc se descabela, e’ chamada de louca, e nem um ciuminhos depois de 1 ano e meio? E olha que eu fiz de tudo pra nao esquece-lo. Massoquista?
Sim,  so posso ser massoquista.
Eu sofri tanto que na epoca emagreci 8kilos. Mas meu maior dilema era:
Ele nao se importa? Ta hoje parece que se importa um pouco, mas e dai? Nao vai me dar de volta o tempo que eu perdi. Mas porque se viciar na dor? Eu nao sei.

Eu sei que o ciclo se repete. As pessoas mudam, mas a historia e’ igual.  Sou obcecada pelo controle.
Tudo por conta do ego. So sei que voltando a falar comigo, tudo ficou tao mais claro, ele me desarmou. Nao consigo sentir raiva nem paixao de quem me trata bem. So’ consigo querer o bem dele tb.
Nao me sinto vitoriosa, me sinto triste de acreditar que amava tanto e da de cara com o Ego novamente.
Nao e’ questao de superar, eu nunca tentei superar nada, e’ questao que eu tenho que admitir pra mim que eu fui atras, sofri, xinguei, briguei com um fantasma, com alguem platonico que so’ existia na minha cabeca. Nem eu sei quem ele e’.

Eu nem sei o que eu sinto, isso que e’ pior.
Tinha tantas certeza do meu amor infinito, que e’ dificil admitir que nao gosto tanto assim.

Anúncios

3 comentários sobre “Massoquista no amor

  1. Guria, li seu post e me identifiquei em várias partes. Somos mesmo intensas, tb ja fiz loucuras por um relacionamento em que eu nem era apaixonada. Tb me joguei de cabeça e me arrebentei no chão. Pra nem lembrar a cara do sujeito hj.
    Porque agimos assim, né? Essa necessidade de auto destruiçao..

    Enfim, adorei o post.

    Curtir

  2. Oi priscila potira é a Patricia. Não sei se você lembra de mim no post q vc publicou ano passado. Eu não consegui começar o evolução 21.FOi uma série de quase sem ficar mais de dois dias sem compulsão. As vezes q tentei ficar com tudo na barriga foram péssimas nos últimos 4 meses usei pagantes mas sem associar a vômitos. Se eu voltava nn usava se não voltava usava. Sumiu pq fiquei com vergonha e reunião muita força vir aki . Pelo menos não estou sem operação tendo compulsão depois de comer determinados alimento tipo doces sorvete paes bolo massas biscoitos. Com vc um pouco de doce mantém sua vontade na linha comigo e o mesmo q por fogo num barril de pólvora. Eu evitou mas sempre tenho contato visual comes e e difícil segurar. Me sinto sozinha mas com quem posso contar se não me abro p ninguém? Sinto me oprimido pprisioneiro da minha situação. O pior e saber q mesmo me cercando me vigiando aquele minúsculo pedaço de bolo e mais forte do que eu enfrentar parei com os pagantes pela hipocalemia pq não quero morrer e penso o dia tudo em sair dessa lógico quando estou consciente e não demorando as guloseimas disponíveis enfim to viva ainda mas sem rumo. Sonhei q estava morrendo e as vezes acho q estou mesmo bjosé espero estar de volta com notícias melhores

    Curtir

  3. Oie, Patrícia! Também passo por muitas dessas sensações. Dessas vontades que nos parecem incontroláveis. Sabemos de todo o mal, da força de vontade… e mesmo assim nos deixamos levar por algo que nos arrependeremos no minuto seguinte. Vim aqui, procurei esse blog como uma busca por força… percebendo que a dificuldade não é única e exclusivamente minha, sinto-me mais determinada a me vencer. A manter o foco, a lembrar de tudo isso na hora da vontade. Espero que seus sonhos tenham passado e que você encontre o seu rumo. Ainda me sinto perdida muitas vezes, mas sei que sempre me reencontro quando me sinto útil. E sei que… o mais importante… é não desistir.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s